Jornal diario
  • Grupo Oriental  

  • Grupo Central  

  • Grupo Ocidental  

PESQUISAR

RSS
Director: Pedro Botelho pedrobotelho@jornaldiario.com AÇORES traco SÁBADO traco 25 DE MARÇO
Publicidade
Opinioes
Mais Opinões
Publicidade
Empresas Comunidade soliária
Portais Universos Blogs
Publicidade
Fim-de-semana com “Duo com Piano” nos Açores
Cultura
Cultura

Fim-de-semana com “Duo com Piano” nos Açores

Este fim-de-semana, o tema "Duo com Piano" será promovido, no âmbito da Temporada Artística 2016, em S. Miguel, na Terceira e no Faial.

O Governo dos Açores, através da Secretaria Regional da Educação e Cultura, promove a oito, nove e dez de Julho, sempre pelas 21H30, a realização de seis eventos integrados no fim-de-semana subordinado ao tema “Duo com Piano”, no âmbito da Temporada Artística 2016.

Na sexta-feira, oito de Julho, na Biblioteca Pública e Arquivo Regional João José da Graça, na Horta, e no domingo, dez de Julho, no Palácio de Santana, em Ponta Delgada, terá lugar um recital com Tamila Kharambura (violino) e Anna Ulaieva (piano), que vão interpretar sonatas de Mozart, Prokofiev e Grieg.

As irmãs Marta e Diana Botelho Vieira serão responsáveis pelos recitais que se realizam sexta-feira, no Teatro Ribeiragrandense, e domingo, no Palácio dos Capitães-Generais, em Angra do Heroísmo, interpretando, em violino e piano, música escrita num período de mais de 100 anos, desde a "Sonatina em Ré", de Schubert, até aos "4 Prelúdios", de Shostakovich.

O programa deste recital aborda maioritariamente peças que conferem aos dois instrumentos a mesma notoriedade.

Ainda na sexta-feira, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, realiza-se o concerto intitulado “Diálogos e Monólogos”, com Taras Poustovgar (clarinete) e Antonella Barletta (piano).

Este concerto, dedicado à música do século XX, inclui um programa variado, com um repertório onde convivem a música erudita e o jazz.

A nove de Julho, Alfonso Padilla (saxofone) e André Costa (piano) apresentam-se num concerto no Teatro Micaelense, em Ponta Delgada, com um programa muito variado, que inclui obras a solo, de estilo contemporâneo com influências do jazz ou do flamenco, bem como peças do repertório clássico do saxofone e ainda com electrónica.

JornalDiario

2016-07-09 09:00:00

Imprimir notícia